Polivivência, um dos atributos do 11º chakra.

 

Aluno 2:

Ontem foi minha iniciação, e embora tenha trabalhado para o dia ser tranquilo e calmo, a noite por volta das 21h00, não estava me sentindo bem, dores nas costas, dor de estômago e um desarranjo intestinal sem precedentes...

 

Achei que não iria fazer a iniciação.  Fui tomar um banho e comecei a pedir aos mentores espirituais e do Reiki que abrandassem tudo aquilo que estava sentindo e aos poucos as dores foram amenizando.

 

Por volta das 22h30 me preparei e comecei a meditar e as 23h00 ou pouco mais que isso, senti a presença de 03 espíritos, sendo um deles mestre Jairo com uma túnica branca, um monge tibetano com uma túnica laranja e uma calça branca e uma terceira pessoa que não consegui visualizar mas senti que era um homem de porte menor, também com vestes tipo túnica.

 

Estava com as mãos unidas em frente ao coração e o monge as segurou, e senti minhas mãos arderem em brasa, o mesmo as levantou quase acima da minha cabeça e disse que estava apenas reativando a energia em mim.

 

Soltou minhas mãos, e as coloquei em cima dos joelhos com as palmas voltadas para cima. Senti que mestre Jairo estava atrás de mim segurando meu pescoço e minha cabeça, depois voltou-se de frente e colocou as mãos no meu chakra plexo solar, cardíaco, laríngeo e coronário.

 

Tive uma forte sensação que não existia corpo físico, apenas uma massa de luz intensa.

 

E assim fiquei por algum tempo, até que uma luz surgiu na minha frente e voltei dessa incrível e maravilhosa viagem.

 

Aluna 3:

Bom dia pessoal!!

 

Na quarta feira fui iniciada no nível 2 e relutei em compartilhar minha experiência, pois sempre acho que o que acontece comigo é fruto da minha mente criativa.

 

Mas seguindo o conselho do Mestre Jairo, aqui vai...

 

Faltando uns 40 minutos para a iniciação comecei a sentir um desconforto na cabeça, como se estivessem apertando ela, mesmo assim preparei o local, coloquei música, apaguei todas as luzes da minha casa e iniciei a meditação.

 

Logo senti minhas mãos muito quentes e uma luz violeta me envolveu.

 

Comecei a ver árvores muito altas, com um tom de verde bem escuro e atrás delas uma montanha enorme dourada.

 

Percebi que estava numa espécie de vilarejo, via algumas pessoas passando por mim, mas não enxerguei o rosto delas.

 

Foi quando o mestre Jairo se aproximou de mim, acompanhado de um senhor vestido com uma túnica bege escura. Senti minhas mãos muito geladas nesse momento.

 

Ele fez uma reverência, se aproximou de mim, colocou as mãos sobre as minhas e pude sentir toda a energia que vinha delas, então ele disse que já sou uma Reikiana, só não sabia disso.

 

Me senti como uma pena, de tão leve. Abri os olhos e minhas mãos estavam em brasas e minhas costas queimando muito. Caí no choro, um choro de gratidão enorme.

 

Gratidão, Gratidão, Gratidão por essa experiência incrível!!!

 

A presença dos nossos Mestres e Mentores nos é relatada muitas vezes, assim como a minha presença no local onde o aluno se encontra.

 

Nesses casos, como em todas as Iniciações a distância, o Mestre se desloca vibracionalmente até o aluno, para realizar a cirurgia espiritual que é a Iniciação e algumas vezes ambos se deslocam para outro lugar.

 

Alunos com clarividência mais desenvolvida, conseguem nos brindar com esses relatos.

 

Mas como isso acontece? Como consigo estar em dois locais ao mesmo tempo?

 

Primeiramente, não conseguimos isso sozinhos, pelo contrário, somos amparados, orientado s e protegidos pelos nossos Mestres, apenas cedemos nossa energia mais densa para que possam atuar! E as reações variaram de acordo com a Ancestralidade de cada um.

 

O 11º Chakra trabalha o caminho a ser trilhado pela nossa alma, ou seja,  a capacidade do indivíduo para adquirir habilidades espirituais avançadas, tais como viagens para além dos limites de tempo e espaço, teletransporte, bi-localização, a precipitação instantânea de pensamentos, ou em outras palavras, a materialização dos pensamentos e a telecinesia.

 

A Humanidade ainda não está pronta para ter despertada toda a potencialidade desse Chakra. Imagine um ser humano com capacidade de materializar pensamento... Com tantos assassinos, psicopatas, sociopatas e todo tipo de desequilibrio mental e emocional da nossa sociedade, exterminariamos o planeta em segundos!

 

A cor desse Chakra é o laranja-rosado. Localiza-se a aproximadamente 90 cm acima da cabeça. Seu elemento é o EU Superior ou Mônada e sua função é ancorar a própria Luz Divina nas proximidades dos campos de força do ser humano e alinhar os quatro corpos inferiores, ligando o corpo de luz do ser humano com a consciência cósmica.

 

Precisamos entender que não há diferenças essenciais nas unidades de consciência que tentam se manifestar nas várias dimensões, nos vários planos, mesmo que esses se sobreponham fisicamente, mas há inúmeras diferenças em grau, desde a luminosa consciência do mais alto Serafim até a tênue e apagada consciência do mineral. Não confundam a consciência do mineral com a consciência dos Elementais que vivem nele.  

 

A Natureza se repete em toda a parte, e só podemos entender a Criação olhando para nosso próprio corpo físico, estudando-o e raciocinando por analogia; mas devemos sempre lembrar que o suprafísico é que é o original, e o físico é sua cópia, e não o contrário. 

 

Nosso cérebro transforma o que vemos em algo que podemos relacionar. Em nossos desdobramentos, muitas vezes não conseguimos entender, mas conseguimos “perceber” os objetos, os seres, a fauna e flora da dimensão onde estamos naquele momento.

 

O entendimento lógico muitas vezes fica para uma etapa posterior. O importante é entender que qualquer que seja o “veículo de manifestação” que encontremos, é apenas uma codificação mental do seu “ocupante”.

Impressões, sensações como premonições, avisos de perigo, depressão ou exaltação aparentemente sem causa, sentimentos sobre as condições mentais, morais ou físicas de amigos, sobre doenças, morte, azares, boa sorte, etc, intimações que não vêm com a clareza da palavra falada ou da mensagem escrita, mas causam uma mudança na nossa percepção, na nossa consciência.

 

Afinal, o que é isso tudo? Esse é o dilema dos empatas!

 

Isso se deve a impactos feitos sobre o corpo astral no mundo astral, impactos que estabelecem vibrações em sua matéria e assim dão lugar a mudanças de consciência. Quando usamos apenas nossa visão física, as coisas que olhamos ficam claras e distintas; as coisas em torno permanecem visíveis, mas não claramente definidas. 

 

Assim, se uma pessoa estiver vivendo em dois mundos as coisas físicas e astrais se misturam em seu campo de visão normal, mas se ela focaliza o físico o astral fica fora de foco, e se ela olha o astral o físico fica fora de foco. 

 

Porém um Mestre pode receber uma comunicação de qualquer mundo, e ao focalizar sua atenção nela, vê o mundo de onde ela veio e pode, se assim quiser, reagir ao evento.

 

Portanto, algumas das pessoas sentem, veem e preveem o que está ou irá acontecer. Se você é uma dessas pessoas, é um claro sinal de que essas habilidades superiores estão atuando em seu corpo físico.

 

Seja digno desse presente! 

 

As biografias dos videntes, dos santos, estão cheias de evidências da atuação desta lei, e sem um treinamento definido nenhum corpo físico consegue suportar a tensão das experiências psíquicas. 

 

Um Mestre poderia enviar um pensamento para um estudante, e assim produzir uma mudança em sua consciência nos níveis superiores do plano mental. 

Ainda não é um Mestre Reiki?​

Com alguns meses de dedicação e treino, toda pessoa consegue realizar ações como essas, basta querer, pois Reiki é uma Técnica de Terapia Holística reconhecida pela Organização Mundial da Saúde e até pelo SUS!

Seja você também um Mestre ou uma Mestre Reiki. Veja a opinião dos nossos alunos.

Oferecemos capacitação em Reiki Usui e Tibetano e em Reiki Elemental.

Escolha o seu! Estaremos te esperando!

Namastê!

Mestre Jairo Pereira

Polivivência é a bi localidade, é estar em mais de um lugar ao mesmo tempo e é exatamente isso que acontece em uma Iniciação à distância, desde que o Mestre tenha o devido conhecimento para realiza-la.

 

A seguir, três alunos relatam suas Iniciações e no final, a minha explicação:

 

Aluno 1:

Olá pessoal, bom dia a todos!!! Acabei de iniciar no nível 2 e mais uma vez vários acontecimentos e sensações.

 

Me concentrei e pouco tempo depois estavam comigo Mestre Jairo, o monge e Mestre tibetano e o outro de menor porte que não consigo visualiza-lo por completo, mas acredito ser algum Mestre também.

 

Mestre Jairo ficou a minha frente impondo as mãos primeiro no chacra coronário, senti uma forte dor no lado direito, mas foi passando. Senti Mestre Jairo impondo as mãos nos outros chacras e parecia desenhar.

 

No chacra do plexo solar uma forte pressão e uma luz dourada saindo do mesmo. Me senti rodopiar e levitar (senti medo) e voltei para o chão.

 

As presenças de Mestre Jairo e do mestre Monge e do outro mestre se tornaram mais fortes. O monge ficou a minha frente e Mestre Jairo se pôs atrás de mim, ergueu as mãos aos céus (parecia que não tinha teto, apenas um céu bem azul) e uma luz bem branca começou a cair sobre mim e ao mesmo tempo subia do meu corpo luzes multicoloridas.

 

Mestre Jairo se voltou novamente para mim e fazia vários desenhos sinais com as mãos e o monge tibetano a minha frente também. O outro Mestre o tempo todo em posição de reverência. Senti novamente dor de cabeça, porem do lado esquerdo.

 

Ouvi alguém falando em tom sereno para eu levar e fazer o bem a todos que surgissem em meu caminho, eu estava carregando luz e tinha que repassar essa luz a todos. A dor da cabeça foi passando, a voz sumiu e senti Mestre Jairo, o mestre Monge e o outro Mestre se afastando.

 

Agradeci ao Universo, a Deus, aos mestres do Reiki aos meus guias e mentores espirituais e principalmente aqueles que estiveram presentes no momento (Mestre Jairo o monge e o Mestre que embora me pareça pequeno e de uma grandeza suprema).

 

Mágico, maravilhoso, surreal.... Mas foi assim!!!!